[Resenha] Correr ou Morrer #1 - Maze Runner


Título: Correr ou Morrer
Autor: James Dashner
Editora: V & R 
ISBN: 9788576832478
Páginas: 426
Cotação: 4 estrelas 
Sinopse: Ao acordar dentro de um escuro elevador em movimento, a única coisa que Thomas consegue lembrar é de seu nome. Sua memória está completamente apagada. Mas ele não está sozinho. Quando a caixa metálica chega a seu destino e as portas se abrem, Thomas se vê rodeado por garotos que o acolhem e o apresentam à Clareira, um espaço aberto cercado por muros gigantescos. Assim como Thomas, nenhum deles sabe como foi parar ali, nem por quê. Sabem apenas que todas as manhãs as portas de pedra do Labirinto que os cerca se abrem, e, à noite, se fecham. E que a cada trinta dias um novo garoto é entregue pelo elevador. Porém, um fato altera de forma radical a rotina do lugar - chega uma garota, a primeira enviada à Clareira. E mais surpreendente ainda é a mensagem que ela traz consigo. Thomas será mais importante do que imagina, mas para isso terá de descobrir os sombrios segredos guardados em sua mente e correr, correr muito. 




Correr ou Morrer é o primeiro livro da série Maze Runner do James Dashner, que me surpreendeu bastante.

Em Correr ou Morrer, lançado no ano de 2010 conhecemos a história de Thomas, que chegou por um "caixa que anda", uma espécie de elevador em um local escuro, onde só tinha garotos que chegavam a cada um mês, com sua memória completamente apagada. Mas isso tudo está destinado a mudar com a chegada de Teresa, um garota que chegou um dia depois da chegada de Thomas.

Nesse local escuro que até então só tinha garotos, cada um pode seguir uma espécie de "profissão" e Thomas quer ser corredor, mas ninguém acredita nisso pois ele não passa de um novato qualquer. Mas estão completamente enganados...

Mas a algo incomum entre Teresa e Thomas, além de conseguirem falar por pensamento eles acham que se conhecem de algum lugar, mesmo com a memória completamente apagada pelos criadores.



 Li Maze Runner por que vi o filme no cinema e acabei gostando, apesar de muitos acharem a adaptação do filme ruim.

Capa: Mesmo não sendo uma capa muito bonita, ela retrata bem o tema da história e nos faz querer ler o livro. 

 *** 
Quer ter seu livro resenhado? Envie um e-mail para primaveraliteraria@gmail.com, com o assunto "Resenha" ou "Parceria"



[Resenha] 360 Dias de Sucesso.




Título: 360 dias de Sucesso 
Autora: Thalita Rebouças 
Editora: Rocco Jovens Leitores 
Páginas: 303
Cotação: 5 estrelas
Sinopse: Um grupo de amigos que só queriam levar um som e se divertir veem a vida virar de cabeça para baixo depois que publicam um vídeo na internet e se tornam sucesso imediato na rede. Retratando, com a sensibilidade e o bom humor de sempre, um fenômeno cada vez mais frequente em tempos de internet a fama instantânea e efêmera , Thalita Rebouças volta à literatura juvenil, depois de dois bem-sucedidos títulos infantis, em seu novo e aguardado romance, 360 dias de sucesso, o primeiro narrado por um protagonista masculino. Um livro divertido e emocionante sobre sonhos, ídolos, romance, amor não correspondido, traição, escolhas. E, claro, muita música.

360 Dias de Sucesso é o décimo oitavo livro da Thalita Rebouças e, com certeza, o melhor até então. Esse livro é narrado pelo Gualter, ou Gualter Potter, que foi integrante da Banda Pólvora juntamente com Theo, Pedro, Pá e Mari.

Nessa história de música, amizade e amor não correspondido vivemos junto com a banda que foi a mais comentada durante 360 dias do ano de 2013, todas as situações por que passaram. 

Mas pelo caminho da fama há brigas, discussões e bebida.



Mas será que a Banda vai ficar junta pra sempre? 











[Resenha] Se Eu Ficar.




Título: Se Eu Ficar - Viva para Amar 
Autora: Gayle Forman 
Editora: Novo Conceito 
ISBN: 978858163541
Páginas: 224
Cotação: 5 estrelas
Sinopse: Depois do acidente, ela ainda consegue ouvir a música. Ela vê o seu corpo sendo tirado dos destroços do carro de seus pais – mas não sente nada. Tudo o que ela pode fazer é assistir ao esforço dos médicos para salvar sua vida, enquanto seus amigos e parentes aguardam na sala de espera... e o seu amor luta para ficar perto dela. Pelas próximas 24 horas, Mia precisa compreender o que aconteceu antes do acidente – e também o que aconteceu depois. Ela sabe que precisa fazer a escolha mais difícil de todas.





Lançado a algum tempo atrás pela Rocco Jovens Leitores, Se Eu Ficar foi relançado esse ano pela Editora Novo Conceito.

Com uma leitura contagiante e encantadora, ao decorrer das páginas e capítulos conhecemos a história de Mia, que um dia, devido a forte nevasca ela e  o irmão de 7 anos não tiveram aula e, por isso, resolveram visitar os avós e dar mais mas voltas. Mas o que era pra ser apenas um passeio de uma família feliz e unida virou uma tragédia: um caminhão bateu no carro que o pai de Mia dirigia e seus pais e seu irmão acabaram falecendo e ela só ficou viva "por um fio".

E agora, a única razão para Mia que toca violão celo e ama música clássica é Adam, seu namorado.

Dramaticamente perfeito, o livro de Gayle Forman estreou esse ano nas telonas do cinema



Se Eu Ficar é o tipo de livro que é impossível de parar de ler antes de terminar a leitura, é um livro que nos completa.

Confira alguns quotes: 


(...) Todo relacionamento tem suas dificuldades (...)
As Pessoas acreditam no que querem acreditar - dizia ela. 


*** 


[Opinião] Apaixonados por Histórias


Sinopse:

Paula Pimenta é conhecida e amada por milhares de fãs por seus romances juvenis, mas um dos primeiros gêneros nos quais se aventurou em sua carreira literária foi a crônica, que escrevia e publicava em sites literários. Em 2012, lançou seu primeiro livro nesse estilo, Apaixonada por palavras, pela Editora Gutenberg. Seus leitores gostaram tanto das 55 crônicas publicadas que pediram mais! Paula resolveu atender aos inúmeros pedidos lançando este novo livro, Apaixonada por histórias, que traz mais 55 crônicas. Como o título sugere, a autora desde pequena sempre teve enorme paixão por todos os tipos de narrativas, e, como maravilhosa contadora de histórias, narra várias situações que viveu em sua vida, e que inspiraram muitos de seus personagens e passagens de seus livros e séries.


Apaixonados por Histórias é o segundo livro de crônicas da linda Paula Pimenta , que foi lançado esse ano pela Editora Gutemberg.

Admito que não sabia que Paula lançaria um novo livro mas acabei amando.

Em Apaixonados por  Histórias a Paula Pimenta  nos apresenta inúmeras crônicas , crônicas até mesmo de antes de se tornar escritora.


Mesmo em suas crônicas antigas, Paula nos faz sentir dentro das histórias., literalmente.

Esse livro nos trás sensações boas e é impossível parar de ler antes de terminar a leitura.



Com esse livro, com certeza absoluta, me tornei ainda mais apaixonada por palavras e histórias. 



E aí, gostaram? Deixe um comentário com sua opinião.






[Resenha] Loving the Band

Título: Loving the Band 
Autor:  Emily Baker 
Editora: iD Editora
Páginas: 200 
Cotação: 4 estrelas 
Sinopse: E se você entrasse na vida da boy band dos sonhos de toda garota? Quando Jess e sua melhor amiga, Tegan, conhecem pessoalmente o The Only Truth, a boy band mais badalada do momento, não imaginam o tamanho da aventura em que vão se meter. Jess começa a se envolver não apenas com um, mas com dois dos meninos da banda. Um é amigável e conquistador, e o outro é sério e mais fechado. Como decidir, se ambos são gatíssimos e carinhosos? Por tudo isso, ao final das férias Jess se vê obrigada a tomar a maior decisão de sua vida...





Loving the Band é o primeiro livro da Emily Baker, que estreou aqui no Brasil em 2012 e conquistou meu coração. 

Nessa história conhecemos as duas melhores amigas Jess e Tegan, que nunca se separam que irão juntas pegar o metro para Londres, depois de decepções amorosas, para tentar amenizar um pouco a situação, mas o que as duas não esperam é que em uma rua poderiam esbarrar em garotos, garotos de uma Boy Band que toda garota gostaria de esbarrar.

Elas também não esperam que Shaq e Riley, dois integrantes da Banda, pudessem se apaixonar por Jess. Mas, por questões óbvias, antes das férias chegarem ao fim e o início do ano letivo começar ela deve escolher apenas um. 




Loving the Band era uma das fanfics com bastante sucesso na internet e, por esse motivo, foi transformada em livro.

Com uma leitura fácil, animada e curta, Loving the Band é um livro muito fofo, que faz a história se tornar bastante verdadeira.


Apesar da leitura ser curta e de fácil compreensão, mais pela metade do livro, na minha opinião, o livro vai se tornando mais enjoativo.


Para ter seu livro resenhado envie um e-mail para primaveraliteraria@gmail.com com o assunto "Resenha" 

[Parceria #3] Estava Lendo.

Oi gente. Tudo bem?

Hoje venho aqui com um imenso prazer para anunciar a minha parceria com o blog da Raquel, o Estava Lendo.



Olha o que a Quel falou para a gente:

Olá! Meu nome é Raquel, mas pode me chamar de Quel. Tenho 17 anos, sou cristã e amo muito ler. Minha paixão pela leitura começou com 11 anos, após conhecer As Crônicas de Nárnia (meu xodó), depois disso, nunca mais parei de ler.
   Meus gêneros de leitura preferidos são Fantasia, Ficção e Medieval, mas leio de tudo um pouco. 


A Quel, realmente, é a maior fofa, ela é legal e ao mesmo tempo é gentil e carinhosa.

Não deixem de conhecer o blog dela, mas não esqueça de seguir. 

Acompanhe a Raquel nas Redes Sociais.

Google +: Clique aqui.
Blog: Clique aqui,  
Twitter: Clique aqui.

E aí, gostaram do blog da Quel? 






[Resenha] Depois dos Quinze


Título:  Depois dos Quinze
Autor:  Bruna Vieira
Editora: Gutemberg
Páginas: 198
ISBN: 9788582350133
Cotação: 5 estrelas
Sinopse: Bruna Vieira tem 18 anos, é colunista da Revista Capricho e dona de um blog chamado Depois dos Quinze. Começou a escrever porque descobriu que o amor da sua vida era na verdade o amor de uma das centenas de fases que ela já viveu. Desde então, com a ordem das palavras escritas e compartilhadas nas redes sociais, Bruna superou a timidez, viajou para a Europa, fez duas tatuagens, mudou de vez para São Paulo e tornou-se uma das adolescentes brasileiras mais influentes da internet com milhares de fãs-leitoras-amigas-seguidoras. Nesse livro você encontra uma mistura de histórias, desabafos e segredos de uma garota que nasceu no interior, ama animais, usa boinas coloridas e ainda acredita no amor simples e verdadeiro.

Assim como em A Menina Que Colecionava Borboletas  Bruna Vieira nos apresenta um novo mundo, um mundo que parece tão real e onde tudo parece ser possível.


Em seu primeiro livro ela escreve suas crônicas e seu contos sem medo de errar.





Depois dos Quinze é aquele tipo de livro que não dá para desgrudar antes de terminar. 

A única coisa que me decepcionou foi o fato de quase todas as crônicas ter como tema principal amor e relacionamentos complicados. 

Bruna, como todos sabem, é uma das blogueiras mais influentes e famosas do país, e ela não tem medo de expressar sua opinião, ela não tem medo de abrir o coração para falar das situações mais difíceis na vida de uma garota ou garoto.


(...) o amor não deve ser nunca transformado em obrigação. O sentimento base de qualquer relacionamento é a Parceria.
É preciso mostrar a importância do amor. A falta que ele pode fazer.
(...) há muitas coisas que não aprendemos só pensando, é preciso fazer escolhas e vivê-las. Há sempre consequências. 
 Nós nunca descobriremos o que vem depois da escolha se não tomarmos uma decisão.


Para ter seu livro resenhado, envie um e-mail para primaveraliteraria@gmail.com com o assunto "Resenha"  




[Resenha] Cartas de Amor aos Mortos

Título: Cartas de amor aos Mortos
Autor:  Ava Dellaria  

Editora: Seguinte - Cia.  das Letras 
Páginas: 337
Cotação: 4 estrelas
Sinopse: 

Tudo começa com uma tarefa para a escola: escrever uma carta para alguém que já morreu. Logo o caderno de Laurel está repleto de mensagens para Kurt Cobain, Janis Joplin, Amy Winehouse, Heath Ledger, Judy Garland, Elizabeth Bishop… apesar de ela jamais entregá-las à professora. Nessas cartas, ela analisa a história de cada uma dessas personalidades e tenta desvendar os mistérios que envolvem suas mortes. Ao mesmo tempo, conta sobre sua própria vida, como as amizades no novo colégio e seu primeiro amor: um garoto misterioso chamado Sky.

Mas Laurel não pode escapar de seu passado. Só quando ela escrever a verdade sobre o que se passou com ela e com a irmã é que poderá aceitar o que aconteceu e perdoar May e a si mesma. E só quando enxergar a irmã como realmente era — encantadora e incrível, mas imperfeita como qualquer um — é que poderá seguir em frente e descobrir seu próprio caminho.

Em uma história simples e contagiante, apenas com um começo mais lento, conhecemos Lauren, que esta começando o ensino médio em uma nova escola, mas algo do passado ainda incomoda a protagonista principal: a morte da sua grande irmã, que significava muito para ela, o que era muito difícil. Mas ela contara com a ajuda que poucos conhecem: a ajuda dos mortos.



Tudo começa quando o ano letivo começa e a nova professora de língua Inglesa de Lauren, que também, em um determinado ano, foi professora de sua irmã, pede para a turma em que Lauren esta esta estudando para escrever cartas, carta aos mortos. 

Porém, a professora dá para a turma uma data de entrega, mas Lauren nunca entrega as cartas, mas faz-as, portanto a história é contada em cartas, de um jeito interessante e completamente diferente.

Mas o que a nova aluna da escola, irmã de uma garota popular que acabou morrendo de um jeito que ninguém imaginava, não esperava é que os próximos desafios da vida eram os mais complicados, ainda mais sem a irmã. 

Mas há mais uma coisa para piorar ainda mais a situação: depois da morte de May, a mãe das duas garotas foge para a Califórnia.




Li o livro a um certo tempo, mas ele me trás lembranças super boas, afinal, ele carrega mensagens super-importantes e, por isso, várias pessoas deveriam ler.




Por um lado, a morte de May foi boa para Lauren pois ajudou ela a "crescer" um pouco.

Confira alguns Quotes:

(...) quando você perde alguma coisa próxima, é como perder a si mesmo (...) 



***

Para ter seu livro resenhado envie  um e-mail para primaveraliteraria@gmail.com com o assunto "Resenha"








[Resenha] Impecáveis - Pretty Little Liars



Título: Impecáveis 
Autor:  Sara Shepard
Editora: Rocco Jovens Leitores

Páginas: 329
Cotação: 5 estrelas

Sinopse: Spencer roubou o namorado de sua irmã. Aria ficou com o coração partido em relação ao seu professor de Inglês. Emily começou a gostar de sua nova amiga Maya. . . tanto quanto de seu amigo. A obsessão de Hanna pela aparência impecável está lhe fazendo mal. E seu segredos mais terríveis ainda é tão escandaloso que a verdade iria arruina-las para sempre.


Com certeza, Impecáveis, o segundo livro da série é melhor que o primeiro. Cativante e perturbador, Sara nos mostra, novamente, o mundo na Finlândia depois do desaparecimento de Alison.

Depois das quatro amigas se reencontrarem depois do tal desaparecimento/morte de sua antiga melhor amiga, as garotas ficam cada vez mais confusas e com medo de quem pode estar escrevendo as tais cartas. 

Durante a leitura de Impecáveis, sofri junto com as quatro, senti raiva quando elas sentiram e, assim, fui amando cada vez mais a narrativa apresentada pela Sara Shepard. 

Mas muita história vem pela frene: Após descobrirem que quem assina como A não é a Alison (dããã, a garota esta morta) elas desconfiam que a tal pessoa é o Toby, um carinha super misterioso, que, pode machucar todas elas, só que o que elas não esperam é que Toby vai morrer e as cartaz/bilhetes/torpedos/e-mails continuaram... 

Sobre a Capa: não curto muito as capas das séries pois, além das cores não serem bonitas, as bonecas/garotas não me agradam. Mas, diferente da capa o livro é muito bom.



  Créditos - Escritoriando

Apesar das capas, vale muito a pena embarcar e conhecer melhor essas histórias maravilhosas... 

Quer ter seu livro resenhado? Envie um e-mail para primaveraliteraria@gmail.com com o assunto "Resneha"

[Resenha] Maldosas - Pretty Little liars



                                                                                                                                                                                                                                        Título: Maldosas 
Autor:  Sara Shepard 
Editora: Rooco - Jovens Leitores 
Páginas: 289
Cotação: 5 estrelas
Sinopse:  Pretty Little Liars fala sobre a vida de quatro garotas — Spencer, Hanna, Aria e Emily — que acabam se “separando” depois do sumiço de sua líder, Alison. Três anos depois, elas começam a receber mensagens de texto e alguém que está assinando como “A” e ameaça a expor seus segredos — incluindo os mais secretos que elas achavam que somente Alison sabia.

Maldosas é o primeiro livro da série de oito livros Pretty Little Liars, criada pela grande autora Sara Shepard.

Nunca assisti a série na TV, mas só pelo que li , garanto que a Série é muito boa.

Esse livro é completamente diferente do que estamos acostumados a ver, ele retrata uma história que nenhum autor foi capaz de retratar.


Baseado na adolescência da autora, conhecemos a história incrível das amigas de uma garota que desapareceu a anos, Alison.

Devido a brigas com as amigas, Alison sai, sozinha no mundo, sem rumo e, obviamente, acaba desaparecendo. Isso ocorreu quando as cinco melhores amigas estavam no sétimo ano, mas quando estavam no ensino médio?

No Ensino Médio, depois do desaparecimento de Ali, as garota, uma vez se quer, trocaram uma palavra.  Mas todas estão recebendo mensagens no computador e no celular, ou até mesmo por bilhete, de alguém que assina como -A, relembrando os segredos que apenas Alison sabia.



            Créditos - Angelica Martins

Cada capítulo desse livro vemos como anda a vida depois do desaparecimento de Ali, com o ponto de vista da Aria, Emily, Spencer e Hanna.

Os capítulos são curtos e os livros também, mas a escrita de Sara não torna o livo nem chato nem cansativo.

Eu amei o livro, e agora, pretendo ler toda a série. 


Quer ter seu livro resenhado? Envie um e-mail para primaveraliteraria@gmail.com com o assunto "Resenha"










Primavera Literária por Rafaela Pinheiro 2014-2015. Tecnologia do Blogger.