O Primavera Literária esta de volta

Sim! É isso mesmo que você leu acima! Eu voltarei a postar, sempre que possível aqui(não sei se conseguirei todo santo dia, mas no mínimo um dia sim e um não)! Antes de começara a falar de algumas novidades quero deixar claro que essa parada foi necessária pois além de estar totalmente sem inspiração estava também sem tempo e em semanas de provas (vocês podem ter notado o meu sumiço não só aqui, mas em algumas redes sociais, principalmente o twitter). E ainda para piorar mais ainda a minha situação mal tive tempo de ler (mas os livros que li farei resenha)!


Mas claro que, para compensar o tempo que não postei aqui quero anunciar que terá novidades! Mesmo com a cabeça a mil, não deixei de pensar em vocês,viu? E se tudo der certo vai ter um lindo layout novo, além de muitas surpresas! 

Também quero dizer que não tenho certeza se vai vai dar para responder os comenátios, mas fiquem sabendo que eles serão lidos com muito carinho!

Gostaria de pedir a ajuda para que a TAG #OPLestadevolta possa subir no Twitter, Facebook e Instagram! 





Post da colunista: Sobre o livro "Na Ilha"

Oi, oi! Senti falta de vocês. :D
Aos poucos vou ganhar ritmo e aparecer por aqui nos dias certinhos, mas como alguns já me perguntaram: minha coluna aqui no blog rola toda quinta-feira. E hoje é dia, êêê! Como falei no meu último post, vou compartilhar uma resenha com vocês. Na verdade vou escrever de novo, porque copiar minha própria resenha, uma vez que o livro é incrível, é meio patético. 

Na Ilha, da autora Tracey Garvis Graves, é, sem dúvidas, um dos melhores do ano. E olha que ainda vem muito livro pela frente. O motivo é simples: eu não esperava gostar tanto de ler 288 páginas sobre dois personagens lutando para continuar vivos em uma ilha deserta. Carol, é um livro erótico? Não. É um romance dramático. E acho que foi justamente o gênero do livro que me ganhou. 



A história começa relatando uma viagem para as Ilhas Maldivas. A professora de inglês Anna Emerson é chamada pelos pais do adolescente T.J. Callahan para que ele reponha as aulas que perdeu durante o estágio mais difícil de seu câncer. Agora ele está em remissão e, portanto, passará as férias na companhia da família e de Anna, que aceita o convite.

Os dois são bem diferentes: Anna já tem 30 anos, um relacionamento um tanto desgastado e uma vida comum, enquanto T.J tem 16 anos, só quer voltar a ter uma vida normal, sair com os amigos outra vez e aprender a se relacionar com as garotas. Mas acontece que tudo na vida tem um momento, um destino (alô, Jota Quest!) e o impossível acontece: quando os dois embarcam rumo à Ilha, para a casa de veraneio da família, o avião cai nas águas do arquipélago.

Aí, pronto, é só tensão. Primeiro porque não imaginei que os dois sairiam vivos do acidente. Segundo porque as águas em que eles caem são infestadas de tubarões. E terceiro (sim, terceiro!) porque eles alcançam uma ilha completamente deserta com apenas as roupas do corpo. A partir deste momento, é o brilhantismo da autora que toma conta. Conhecemos os dois aos poucos, vemos como fazem para comer, dormir e sobreviver num ambiente completamente novo e sentimos tudo que eles sentem quando um dos dois apresenta algum problema. E, acreditem, como apresentam... 

É uma história interessantíssima sobre superação, sorte, destino e até preconceitos. E ainda conta com um cenário real, o que nos deixa ainda mais angustiados e com vontade de conhecer os protagonistas. Comecei a ler achando que não terminaria, mas terminei de ler sabendo que estava diante de um livro que pre-ci-sa ser adaptado.

Vamos torcer, né?


 Espero que tenham curtido! Prometo que até o próximo post respondo todos os comentários. ♥

[Resenha] Reencontro

Título: Reencontro
Autor: Leila Krüger
Editora: Novo Século
Páginas: 496 páginas 
Sinopse: "Está bem no fundo. Não se pode alcançar... aos poucos, vai roubando o ar.” Ana Luiza vai perdendo seu fôlego: o fim de (mais) um grande amor, um pai distante, uma mãe fútil, uma amizade complexa e "pessoas que sempre vão embora". Com suas músicas de rock, seus livros e seus cigarros, Ana Luiza vê sua vida desmoronar. "O amor é uma ferida”, ela sentencia. Mas a “garota de olhar longínquo” tem um encontro inesperado com um alguém aparentemente muito diferente dela: os “olhos imensos”, que tudo veem... Presa em seu próprio mundo e rendida ao álcool e às drogas, Ana Luiza tenta fugir. Principalmente do temido amor, que tanto a feriu... Como encontrar, ou reencontrar o próprio destino? Até onde o amor pode ir, até quando pode esperar? O que há além das baladas de rock e dos poemas românticos? Poderá o amor salvar alguém de sua própria escuridão? Às vezes, é necessário perder quase tudo para reencontrar... e finalmente poder amar.

O enredo do livro nacional Reencontro gira em torno da personagem Ana Luiza. Uma jovem de 22 anos que mora em Porto Alegre e cursa Odontologia na PUC. Após o término do seu namoro, a protagonista se encontra totalmente desacreditada no amor. E, quem sabe, até mesmo na vida. Desse modo, Ana Luiza utiliza as drogas, o álcool e o rock 'n' roll como refúgio; uma maneira de fugir da sua realidade.




Fernanda -conhecida como Nana- é sua única amiga fiel. É uma das únicas pessoas em quem consegue confiar, já que Ana Luiza apresenta certa dificuldade no que diz respeito à confiança. Espalhafatosa é a palavra que resume sua melhor amiga. Piercings, tatuagens e roupas coloridas. No entanto, um novo colega da faculdade começa a  se aproximar da protagonista e acaba conseguindo quebrar a barreira existente entre Ana Luiza e o mundo externo. Rafa, como é conhecido, consegue se tornar amigo da Aninha e, quem sabe, conquistar um mínimo da confiança da personagem.

Apesar da proximidade alcançada pelo Rafa no que diz respeito à protagonista, ela ainda não consegue se abrir completamente em função dos acontecimentos ocorridos no passado que a deixaram depressiva. Ela ainda tem medo de que tudo aconteça de novo. Sendo assim, apesar de ter uma melhor amiga e um novo amigo, Ana Luiza ainda vive em um mundo muito particular. Isto é, ela ainda enfrenta sozinha determinados conflitos; ela ainda guarda alguns segredos para si mesma.



Ana Luiza, desanimada com a vida como um todo, percebe que o seu mundo está desmoronando cada vez mais. Após vivenciar alguns conflitos familiares e pessoais, a garota se encontra em uma depressão profunda. E, mais uma vez, ela encontra o seu refúgio nas drogas e no álcool. No entanto, após alguns conselhos a protagonista decide que não quer tudo isso para a sua vida. Após um "empurrão", a personagem recebe forças para continuar a sua vida. Ela encontra motivos para viver, apesar de todos os acontecimentos. E, assim, decide ser uma pessoa diferente, para melhor.

Reencontro é um daqueles livros bem intensos. Aqueles que te fazem refletir sobre diversos assuntos, o que eu achei bem interessante já que não é somente uma história de entretenimento. O leitor consegue extrair várias lições e questionamentos reflexivos a partir do enredo desenvolvido. Além disso, determinadas partes do livro são tão intensas que nós conseguimos sentir na nossa pele o sofrimento da personagem. Mas, ao mesmo tempo, conseguimos aprender, junto da protagonista, alguns valores essenciais. E, apesar de toda essa atmosfera pesada apresentada pela obra, há momentos de descontração em função, principalmente, das relações de amizade desenvolvidas no decorrer da história. Nas palavras da autora, Reencontro é um conto de fadas real que nos faz refletir sobre o que o amor pode fazer.


No que diz respeito à diagramação, eu achei tudo maravilhoso. Apesar de as páginas serem brancas, o tamanho da letra e a fonte utilizada foram excelentes (confesso que as páginas brancas não me incomodaram, e olha que eu não suporto livros com páginas brancas). Além disso, cada capítulo é iniciado com uma frase de algum autor ou algum músico - eu achei isso o máximo.

Não há você sem mim. Eu não existo sem você (Vinícius de Moraes)

E, como se não bastasse, a autora ainda faz diversas referências (livros, autores, músicos etc) durante a história - foi uma das coisas que mais gostei.

O vento ululou. Era um vento plangente, vento de morros uivantes.

No mais, eu recomendo esse livro principalmente para os leitores que gostam de refletir sobre algumas questões peculiares da vida. 



[Fotografia] Fotografando Sonhos #5

Boa dia! Estão bem? 

Hoje é dia do post "Fotografando Sonhos" com algumas das fotos que tirei!  Só peço desculpa por não ter feito antes!

Talvez vocês já tenham visto essas fotos que irei mostrar para vocês por que elas já estão no meu Instagram atual, que eu acabei de criar (@raffs_pinheiro - você também pode encontrar o meu insta na barra lateral do blog!)

Espero que gostem das fotos! Aguardo os comentários de vocês contando o que acharam!





Desculpa pelas poucas fotos! Da próxima  vez tem mais!


Post da colunista: Romances eróticos!

Oi, oi!

Nossa, que saudade daqui! Demorei a postar de novo. Mas já me desculpei com a Rafa, então espero que vocês não reparem. Gente, é corrido cuidar de tanta coisa, mas tem sido uma experiência legal, até a nível de responsabilidade. Hoje pensei em conversarmos sobre uma coisa que eu adoro: romances eróticos. Que tal?

Já resenhei o livro Cinquenta Tons de Cinza na coluna, mas a ideia veio porque eu gosto mesmo é de duas outras autoras: Bella Andre e Sylvia Day. E aí vem a pergunta: De qual você gosta mais? Não sei. x)

A Bella Andre tem um estilo mais leve, mais floreado. As cenas quentes são sempre permeadas por expressões de amor, momentos bem românticos. O casal principal é sempre aquele que descobre um amor fora do comum. Isso até incomoda, eu sei, principalmente quando todos os livros de uma série colocam os homens da história fortes, capazes, bem sucedidos, ricos e avessos ao amor. Mas, é aquilo: mais do mesmo ou não, eu não consigo largar os livros dela. Sullivans do meu ♥!

Já a Sylvia Day me parece mais realista. Na série Crossfire (única dela que eu li, que vale meus dias inteiros lendo e lendo), ela traz personagens que competem de algum jeito, apesar de cada um ter suas limitações e um passado. É como se eu conhecesse o casal protagonista e encontrasse com eles de vez em quando. É claro que todo livro tem alguma coisa surreal, mas vejo na autora uma escrita mais detalhada e isso me deixa ainda mais ansiosa, o que é legal. :) 

Pra quem não conhece os livros, vou deixar algumas informações aqui:

Série Os Sullivans, da autora Bella Andre


Minhas resenhas estão disponíveis aqui


Os livros estão na ordem de lançamento, exceto pelos dois últimos. Muita gente não sabe, mas Uma Noite Perfeita só foi lançado em e-book e é considerado um livro intermediário, pois não fala sobre a família principal da série, mas sobre pessoas relacionadas ao clã. Este seria o livro 8.5, enquanto O Jeito Que Me Olha, que traz o primeiro integrante da família que vive em Seattle, o primeiro primo, é considerado o livro 9. Ou seja, a autora incluiu as duas histórias antes de fechar a série com Quando Um Homem Ama uma Mulher. Haja livro, viu? 

Os meus favoritos da série são Não Posso Me Apaixonar, Perto de Você e Quero Ser Seu

Já tive a chance de entrevistar a Bella Andre para o Entre Livros, mas ainda não li o e-book e o último da série (e nem pretendo ler o 8.5, me dá nervoso esses livros intermediários). ^^


Série Crossfire, da autora Sylvia Day

Minhas resenhas estão acessíveis aqui

Bom, dona Sylvia Day, assim como Bella, também gosta de prolongar as coisas. Esta é só a primeira de algumas séries que a autora já lançou e é a única que estou acompanhando, senão enlouqueço. Além dos quatro livros que vocês estão vendo, será lançado um quinto. A própria autora colocou a novidade nas redes sociais, o que agradou e não agradou muita gente. Confesso que, no caso dela, não sei se gosto ou se não gosto. Ao mesmo tempo em que acho que ela poderia ter fechado a série no Somente Sua, vem a curiosidade e a vontade doida de saber até onde ela vai com tanto enredo, JESUS.

Eleger um na série da Sylvia é difícil porque, ao contrário da anterior, os livros são seguidos. Mas ainda assim acho que Profundamente Sua é o livro mais instigante.

Tive a oportunidade de conhecer a Sylvia Day-diva quando ela veio pro Rio (êêêêê! ♥), mas ainda não a entrevistei para o blog. :/


E vocês, já leram algum destes livros? Contem nos comentários! :D

Acho que só não coloquei Meus romances eróticos favoritos no título do post porque tenho uma leve queda pelo gênero e isso significa que vem muito por aí. Espero que vocês tenham gostado! Até o próximo post com uma resenha novinha.




[Resenha] Feita de Letra e Música

Título: Feita de Letra e Música
Autora: Adrielli Almeida
Editora:Matrix
Páginas: 239 páginas
ISBN: 9788582301616
Cotação: 5 estrelas - FAVORITO
Sinopse:Quando a maré de problemas aparece na vida de Lívia Bonjardim, vem com força total. Olha só: para começar, é ano de vestibular. Seu professor de História despertou o interesse da mãe de Lívia. Que coisa! Quer mais? O pai quer que ela se aproxime da meia-irmã mais nova, obrigando Lívia a usar um vestido rosa e ir a uma festa de quinze anos. Pensa que acabou? Na internet existe um blog chamado Believe, que é sucesso com centenas de meninas. Só que ninguém sabe de quem é esse site famoso. Mas o mundo poderá saber, se descobrirem o caderno que Lívia perdeu com diversas informações pessoais: as letras de músicas que ela escreveu, um monte de textos, todas as informações do blog. Você vai se apaixonar pelo desenrolar dessa história.

Esse livro é simplesmente magnífico. Nem consigo descrever as emoções que senti ao ler cada página! Nunca havia lido nada da Editora Matrix, mas já tinha vários livros na minha lista de desejos! Ao ler "Feita de Letra e Música" me apaixonei mais ainda pela literatura nacional! A Adrielli tem um poder incrível de escrever! Até parecia que eu era a Lívia!

No livro, conhecemos a história da Lívia, uma garota de 17 anos, que esta em ano de vestibular, que tem a pior meia irmã que poderia ter e a madrasta mais malvada! 

"Já com a minha minha madrasta (muita ênfase no má) , a Sônia (também conhecida como Cobra Peçonhenta lá em casa) , eu vivia em pé de guerra, eu e minha mãe!"






Os pais da Liv se separam quando ela tinha exatamente dois anos, e agora ela mora com a mãe e com o irmão mais velho! A história começa quando a nossa protagonista é obrigada a ir na festa de 15 anos da Arabela (cá entre nós, que nome), sua meia irmã! E a Liv ainda terá que ir com um vestido horroroso da cor rosa, cheio de camadas.

Mas para piorar a festa era toda rosa e o pai parecia ter gastado uma fortuna, e ela nem tivera uma festa de quinze anos... mas graças a Deus ela não se esquecera da bolsa, que continha seu caderno de anotações do blog! A Lívia tinha um blog anônimo chamado Believe (acreditar em inglês), onde publicava seus textos e musicas, que ela mesma escrevia, só que a festa se torna ainda mais um pesadelo quando ela, em uma das suas idas ao banheiro do salão de festas, deixa cair a bolsa e esquece o caderno onde fazia as anotações do blog que só a Vivian, a melhor amiga dela sabia que tinha! 




Só que na festa a um garoto com uma máscara do "Estilo Zorro" , que Liv jura que sorriu e ainda piscou para ela! O problema é que o quase Zorro acabou de terminar com a namorada (que era prima da Arabela)  no meio da festa, em alto e bom som! Só que, na saída ele ainda, quando a Livia quase caí por causa do salto, a salva!

Depois da festa ela vai para casa com o irmão e ela só se da conta que o caderno do blog sumiu, e então vai na casa da Vivi para contar da novidade sobre o término do namoro do quase Zorro com a prima da meia irmã e falar do caderno desaparecido, com todas as informações do blog! Só que, a Vivi tem vários irmãos, e quem abre a porta não foi ela e sim o quase Zorro! E o pior é que o tal garoto a reconheceu! E sim, se você esta se perguntando se o Zorro é irmão da Vivi ele é! E o garoto se chama Zacharias!



Opa! Claro que tem romance, né?

Assim fui me apaixonando pelo Zach e pela Liv! "Feita de Letra e Música" é um livro e tanto!











[Resenha] Posso te dar meu coração?


Título: Posso te dar meu coração?
Autor: Ganymédes José
Editora: Moderna 
ISBN: 9788516084622
Cotação: 5 estrelas
Sinopse: Desde pequena, Pati queria conquistar o coração alegre, fogoso, entusiasmado de Alex. Tímida, a menina só sabia sonhar com o dia em que Alex se aproximaria dela não mais como um simples amigo. Até que, na pequena cidade do interior de São Paulo, chega a linda Deanna. Basta um olhar, e Alex descobre para quem deve ser destinado seu coração e todo seu carinho... A partir daí, a imensa criatividade de Ganymédes José leva o romance para os caminhos da tragédia, culminando no mais lindo e surpreendente final!

"Uma história de amor adolescente que se passa no interior, no interior de cada um de nós!"

Poxa, pessoal, nem sei como começar a falar desse livro! "Posso te dar o Meu Coração" é muito bom! Não é só aquele livro de romance e sim um livro da verdadeira prova de amizade. Eu queria ler o livro do Ganymédes José faz bastante tempo, mas os preços estavam bem altos, mas depois que li percebi que o preço faz jus com o livro, de tão bom!

Mesmo com vários personagens é bem fácil de entender a história, e também é fácil de se apaixonar!

Esse livro é muito bom! Nele conhecemos a história da Pati e do Alex, dois jovens que desde sempre são amigos, só que, já há um tempinho, a Pati esconde uma paixão por ele! Os dois moram num pequenos bairro, mas que quase sempre vive em festa, afinal todos se conhecem, que fica no interior do interior de São Paulo!

Não me arrependo por ter lido esse livro! É simplesmente muito bom! 

O jeito que o autor conta a história é diferente e muito cativante! Até a página 20 eu não estava conseguindo acompanhar o livro, mas depois a leitura passou muito rápido!

No bairro em que a Pati e o Alex moram  desde bem novinhos, sempre (sempre mesmo) ocorre uma missa e procissão, para comemorar a festa da Santa que tinha uma igreja no bairro, bem conhecida.

Só que tudo esta destinado a mudar, e Alex continua amando futebol e não ligando para garotas (com exceção das "assanhadas" como a Pati as chamava!) Só que Alex acaba conhecendo a Deanne, que assim como ele só liga para o que gosta (no caso o piano)!

Mas, quando a Pati vê a Deanne na garupa da moto do Alex o ciúme ataca. E não é pouquinho não...

E, um certo dia, Deanne é convidada para participar de um concurso.  Só que precisava de um relatório, que Deanne pediu para Alex a ajudá-la.

Só que, em um certo dia, o Alex resolve ir a São Paulo com uma pessoa! Daí que as reviravoltas acontecem! 

Esse livro é para aqueles fãs de romance e de livros relacionados a amizade, com um pouquinho de drama!





Sorteio de 500 seguidores

Não sei nem como começar! Nessa semana conseguimos 500 seguidores!

Não sei nem como agradecê-los! Sem vocês nada disso seria possível! 

Sei que 500 para algumas pessoas e blogueiros famosos não será um grande número, mas para mim isso é mais uma conquista porque quando criei o blog não esperava que isso tudo fosse acontecer! 

E para comemorar eu e a colunista Carol (que também escreve no Entre Livros e Textos de Carol) tivemos a ideia de fazer um sorteio! 



Eu sortearei 11 marcadores (você pode conferir na foto)e a Carol vai sortear 10 marcadores surpresa! 

Para participar confira o regulamento:

*O Sorteio começa hoje, dia 13/03/2015 e termina no dia 13/03/2015.

*Para participar, é necessário preencher o formulário e torcer!

 *É necessário morar no Brasil, ou apenas ter algum endereço de entrega em território nacional.

*Perfis fakes ou criados para participar apenas de promoções não serão aceitos.

*O ganhador deverá responder o nosso e-mail em até 48 horas se não, o mesmo será desclassificado, e refaremos o sorteio.

*Os margadores serão enviados ao ganhador em até 45 dias úteis.

*Não nos responsabilizamos por problemas de atraso após o envio, assim como extravio por parte dos correios ou endereço informado errado. 

a Rafflecopter giveaway

Os marcadores:




Gente, mais uma vez obrigada! Espero que gostem! 






[Resenha] Um Conto de Horror no Lago!

Boa tarde! Estão bem?

Hoje a resenha que vim fazer é do "Um Conto de Horror no Lago" do querido Vinícius Vieira de Faria, que é nosso parceiro, e também escreve no Blog Desvaneio de um Jovem Leitor 

Vou admitir para vocês que não sou muito chegada a ler em formato e-book, ou seja pelo computador, tablet ou até mesmo celular. Pensei que ai ser difícil, pois não tinha esse abito, mas amei o conto e a leitura passou voando! 

Nunca fui tão chegada ao gênero de suspense/terror, mas com certeza, esse livro do Vini me fez querer ler mais livros desse estilo!

Bem, o "Um Conto de Horror no Lago" conta a incrível história dos seis amigos Denise, Clara, Pedro, Giselle, Carlos e Lucas que resolveram fazer uma espécie de "Acampamento" na casa do lago para que a Denise e o Pedro se conhecem um pouco melhor, afinal, achavam que o Pedro estava "super-caídinho" por ela ( e ela gostava dele há um tempo)

Desde as primeiras palavras do capítulo, eu gostei bastantes e me identifiquei com o jeito do autor de escrever! 

Dentro da Van do Carlos, todos estão felizes. As garotas atrás com as suas conversas, e os garotos atrás com a sua conversa. Até aí tudo perfeito, né?

Só que, depois de horas e horas de viagem, ao avistarem uma placa de um restaurante que estava só a 10km eles resolvem parar para comer pois estavam loucos de fome! Só que nesse restaurante havia um cara que ficava paquerando a Giselle, só que como o Lucas gostava dela, eles acabaram brigando! 

Mas ainda tem coisa pior... o tal cara que estava praticamente babando pela Giselle queria que eles sofressem um acidente e capotassem a Van, só que claro que os garotos não deixariam isso acontecer! E quem acaba batendo com o carro com tudo na árvore é o cara misterioso! 

Bem, finalmente eles chegaram na famosa Casa Do Lago, tiraram as malas do carro e as desfizeram-as! Mas ao passar dos dias, a Clara, a Giselle e a Denise acabam ouvindo um barulho estranho e ainda contaram histórias de terror, mas isso por um lado foi bom, afinal, o  Pedro e a Denise dormiram juntos!

Esse conto é muito bom! Gostei de verdade! Como disse, me identifiquei muito o a escrita do autor, e a única coisa que consigo dizer é que o Vinícius tem talento, e muito! 

Minha nota para esse livro é 5 estrelas pois todas as expectativas que tinha foram alcançadas, mesmo sendo um conto curto e os personagens possuírem personalidades bem diferentes! 

Muito obrigada pelo carinho e pelo Apoio, Vini
 







Blogs Literários que Mais Gosto

Oi gente! 

Hoje fiz esse post para mostrar a vocês os blogs literários que eu mais gosto! Primeiro, antes de começar, quero avisar que não tenho uma ordem específica! 

Bem, como vocês poderão ver abaixo, não sou muito fã de blogs grandes, e sim dos menores, pois apoio muito a ideia de surgimento de mais blogs falando de livros e filmes, ou qualquer outro tema relacionado a cultura.


Mais Um Pra Coleção

Gente, eu amo o blog Mais Um Pra Coleção, da Erika, que é nosso parceiro! Eu gosto do blog dela pois amo o jeito que ela escreve, principalmente nas resenhas! Esse blog é muito bom! Desde o layout até os posts!



Quem escreve lá no Doces Resenhas (também nosso parceiro) é a Mari, que publica os lançamentos do mês da maioria das editoras! Se você quer se manter atulizada sobre os lançamentos esse é o blog ideal!  E, além disso a Mari é a maior fofa, e te ajuda sempre que é necessário!


Quem não conhece esse blog? Eu AMO (e acho que é um dos poucos "famosos" que eu gosto) O único problema para mim é o fato das blogueiras nunca responderem, nem no twitter! Nele, sempre encontramos os lançamentos e as novidades literárias mais esperadas! Esse é aquele blog para ler todo dia pois sempre tem novidades ótimas!



No Mundo dos Livros é um blog bastante comentado nesse meio! Quem escreve é a Livy, que sempre nos responde com o maior carinho! O Blog é diariamente atualizado e a cada post é impossível não amar mais! E o layout é lindo (eu acho que combina muito com o blog e com a Livy!



Quem escreve lá no Balão é o Rafael (meu xará)! Apesar de ter conhecido recentemente acabei gostando bastante! 

É isso! Espero que tenham gostado dos posts! E não esqueçam de comentar se conhciam ou não os blogs e o que acham deles! 


[Resenha] Primeiro Amor

Título: Primeiro Amor 
Autor: James Patterson e Emily Raymond
Editora: Novo Conceito
ISBN: 9788581633909
Cotação: 5 estrelas
Sinopse:  Axi Moore é uma garota certinha, estudiosa, bem comportada e boa filha. Mas o que ela mais quer é fugir de tudo isso e deixar para trás as lembranças tristes de um lar despedaçado. A única pessoa em quem ela pode confiar é seu melhor amigo, Robinson. Ele é também o grande amor de sua vida, só que ainda não sabe disso. Quando Axi convida Robinson para fazer uma viagem pelo país, está quebrando as regras pela primeira vez. Uma jornada que parecia prometer apenas diversão e cumplicidade aos poucos transforma a vida dos dois jovens para sempre. De aventureiros, eles se tornam fugitivos. De amigos, se tornam namorados. Cada um deles, em silêncio, sabe que sua primeira viagem pode ser também a última, e Axi precisa aceitar que de certas coisas, como do destino, não há como fugir. Comovente e baseado na própria vida do autor, este livro mostra que, por mais puro e inocente que seja, o primeiro amor pode mudar o resto de nossas vidas.

Em Primeiro Amor o James Patterson arrasou!  Esse livro é tão difícil de resenhar pra vocês, não que ele seja ruim e sim que ele é muito bom. Até então não tinha lido nada do autor, mas gostei bastante. Li esse livro no ano passado no mês de julho, mas de tão bom que ele é li de novo! 

Primeiro Amor foi publicado pela Novo Conceito já faz um tempinho. Nele conhecemos a história da Axi Moorie, que recentemente perdeu a irmã e por esse motivo a mãe também foi emborra de casa e ela ainda não se conforma. Ela é o tipo de garota em que você pode confiar e ela ama ler (tem várias citações de livros durante a história) ! Só que ninguém sabe o sufoco que ela esta passando, a não ser o melhor amigo de todas as horas, o Robinson (ele é o tipo de garoto que faz todas garotas suspirarem)!

Robinson sempre gostou da Axi.Não só como amigo mas como namorado. Axi também gosta dele, mas esconde no fundo do coração isso só para ela mesma

A Axi pensou muito, mas a única coisa que ela acha que pode acabar com seu sofrimento é fugindo. Mas claro que o Robison vai junto, né? afinal, é isso que os amigos fazem. 

Os dois, então, embarcam junto na aventura (aventura mesmo, tipo roubar carro, motos) , mas reviravoltas estão por vir: Robinson tem câncer desde pequeno e ele não esta nada bem. Pálido e cada vez mais magro, Axi percebe, mas não imaginava que isso poderia ser tão ruim... e parece que quando mais a Axi se apaixona mais ele piora... é de doer o coração! 

Me emocionei muito com esse livro. Chorei litros logo depois que terminei a leitura, que, por sinal foi bem rápida. O que me incomodou um pouquinho foram os capítulos bem curtos. Eles em média tinha de uma a duas páginas. Eu gosto de capítulos curtos, mas isso foi um exagero! Nunca li livros com capítulos tão curtos!

Me identifiquei muito com os personagens! A narrativa do James junto com a Emily Ramiond é ótima! Até parece que somos os próprios personagens! A história é narrada por Axi em primeira pessoa o que pareceu mais real ainda! 

Espero que tenham gostado da resenha! Já leram livros do James? Qual vocês me indicam?



[Fotografia] Paisagens

Oi gente, tudo bem com vocês?

Hoje eu - a resenhista carol - vim fazer um post com algumas fotografias que eu tirei em um dos lugares mais bonitos e tranquilos que eu já fui (Lapinha da Serra, Minas Gerais). O local ideal para passar as férias lendo e interagindo com a natureza (como amo esse lugar!).

Espero que gostem!!









E só para deixar claro - caso alguém esteja curioso -, as três primeiras fotos foram tiradas da parte mais alta dessa montanha mostrada na última imagem. Acreditem! Esse pico é chamado de Pico da Lapinha (apesar de ser conhecido erroneamente como Pico do Breu) e possui 1686 metros de altitude.


[Resenha] Cante Pra eu Dormir

Título: Cante para eu dormir
Autora:  Angela Morrison
Editora: Pandorga
ISBN: 9788561784133
Cotação: 5 estrelas - Favorito 
Sinopse:  Cante para eu dormir revelará a dura realidade da vida, a energia firme da amizade e mostrará que o verdadeiro amor transcende tudo. O livro conta a história de Beth, uma garota que sofre bulling e passa toda sua infância sendo rejeitada por sua aparência. As únicas pessoas a aceitá-la são sua mãe e seu melhor amigo, Scott. Mas tudo isso fica para trás quando ela é convidada para ser a vocalista do coral da escola e recebe a transformação que lhe dará a oportunidade de conhecer um amor que vai além de tudo, até mesmo da própria vida. Derek é tão lindo, tão doce, tão fantástico que Beth acha que não merece, mas quer experimentar, mesmo estando a milhas de distância. Porém, existem segredos não revelados entre eles. A história reúne as mais profundas emoções humanas: decepções, tristezas, alegrias, amores e paixão, muita paixão, que ficará gravada em cada coração por muito tempo, mesmo depois do término da leitura.

Cante Para eu Dormir é um livro lindo e emocionante que só quem leu sabe o que eu estou dizendo. A Angela Morrison tem um poder para escrever magnifico. Ela é capaz de nos impressionar a cada palavra que escreve. 

o livro conta a história de Beth, mais conhecida como "a Fera" na escola e nas redondezas pois não é nenhum pouco bonita, alta demais e extremamente desajeitada. Na escola inteira ela só tem um amigo, o Scott que nunca a rejeitou, diferente do pai que falou, logo depois que a Beth nasceu que ela era feia! Exatamente com essas palavras, acredite ou não. A única coisa que ela tem de bom é a voz muuito linda e profunda.

Beth faz parte do coral chamado Cantoras da Juventude, que foi aceito para participar de uma competição internacional na Suiça, só que a cantora "principal" acaba tendo um imprevisto, e quem vai substitui-la é Beth porque ela é a que melhor canta, só que ela vai precisar de uma bela repaginada.

A cantora que a Beth vai substituir no coral é bem rica, portanto a mãe da garota vai pagar tudo que ela tem direito (tudo mesmo!). No começo até parece brincadeira mas não é. E não é que a Beth fica linda? 

O dia tão esperado se aproxima e a antiga "Fera" pensa que só vai lá para cantar e conhecer um pouco das cidades, mas ela esta enganada. A protagonista acaba conhecendo o Derek que também esta participando dessa competição e mora no Canadá, perto da fronteira com os Estados Unidos (Onde Beth mora)! 

No decorrer das páginas os dois vão se apaixonando intensamente. Só que há um problema: Derek se afasta quando ela se aproxima, ele tem cicatrizes que diz ser picadas de mosquito pois é alérgico, em um passeio a praia com um grupo de amigos ele se recusa a tirar a blusa. O que ele tem? 

Mas ela só vai saber depois, quando ele vai para o hospital e fica revoltada que ele não tenha contado antes. É de doer o coração. Se pudesse mudaria o final desse livro. 

A história e todo o mundo que a autora criou é muito bom! Li o livro em menos de um dia e não me arrependo de nada. A narrativa da Angela Morrison faz a gente se apaixonar ais ainda pelo livro.

Esse é, com certeza um dos meus livros prediletos! 









Primavera Literária por Rafaela Pinheiro 2014-2015. Tecnologia do Blogger.